A RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL NO SETOR DE CERÂMICA VERMELHA: UTILIZAÇÃO DO MÉTODO DELPHI PARA PROPOSIÇÃO DE UMA MATRIZ DE INDICADORES DE AVALIAÇÃO

  • Christiane Luci Bezerra Alves Universidade Regional do Cariri
  • Ahmad Saeed Khan Universidade Federal do Ceará
  • Patrícia Verônica Pinheiro Sales Lima Universidade Federal do Ceará
  • Valéria Feitosa Pinheiro Universidade Regional do Cariri
  • Anderson da Silva Rodrigues Universidade Regional do Cariri

Resumo

Esse ensaio tem como objetivo a proposição de uma matriz de indicadores de promoção da RSA no segmento de cerâmica vermelha. O setor em análise tem, reconhecidamente, alto impacto ambiental negativo; as principais fontes de matéria-prima tem origem mineral (argila) e vegetal (lenha). A metodologia proposta consiste, a partir da literatura especializada do setor, trabalhar na construção de um conjunto de indicadores e dimensões de mensuração da RSA, utilizando-se, para isso, a metodologia Delphi, que se baseia na construção de um consenso sobre importância relativa dos indicadores, a partir da contribuição de um conjunto de especialistas na temática.

Biografia do Autor

Christiane Luci Bezerra Alves, Universidade Regional do Cariri

Mestre em Economia/Universidade Federal da Paraíba; Doutora em Desenvolvimento e Meio ambiente/Universidade Federal do Ceará; Professora Associada do Departamento de Economia da Universidade Regional do Cariri

Ahmad Saeed Khan, Universidade Federal do Ceará
Mestre em Economia pela Colorado State University; Phd em Economia Agrícola e Recursos Naturais pela Oregon State University; Professor Emérito da Universidade Federal do Ceará
Patrícia Verônica Pinheiro Sales Lima, Universidade Federal do Ceará
Doutora em Economia Aplicada pela Universidade de São Paulo; Pós-doutorado pela Universidade da Califórnia; Professora Associada do Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente – UFC
Valéria Feitosa Pinheiro, Universidade Regional do Cariri
Mestre em Desenvolvimento Regional pela Universidade Regional do Cariri; Doutoranda em Economia pela Universidade Federal Fluminense; Professora Adjunta do Departamento de Economia da Universidade Regional do Cariri
Anderson da Silva Rodrigues, Universidade Regional do Cariri
Mestre em Economia/Universidade Federal do Ceará; Doutor em Desenvolvimento e Meio ambiente/Universidade Federal do Ceará; Professor Associado do Departamento de Economia da Universidade Regional do Cariri

Referências

ABRAMOVAY, R. Responsabilidade socioambiental: as empresas no meio ambiente, o meio ambiente nas empresas. In: VEIGA, J. E. da (org). Economia socioambiental. São Paulo: Ed. SENAC, 2009.

ADLER, M.; ZIGLIO E. Gazing into the Oracle: The Delphi Method and its Application to Social Policy and Public Health. London: Jessica Kingsley Publishers, 1996.

BARBIERI, José C. Gestão Ambiental Empresarial: Conceitos, Modelos e Instrumentos. São Paulo: Saraiva, 2011.

BEZERRA, Francisco D.; VIANA, Fernando Luiz E.; FARIA JR., Américo R. Diagnóstico do setor de cerâmica vermelha no Nordeste. Fortaleza: ETENE/Banco do Nordeste, 2001.

BLAU, Peter M.; SCOTT. W.R. Organizações formais. São Paulo: Atlas, 1977.

BORGER, Fernanda G. Responsabilidade social empresarial e sustentabilidade para a gestão empresarial. 2013. Disponível em: http://www3.ethos.org.br/cedoc/responsabilidade-social-empresarial-e-sustentabilidade-para-a-gestao-empresarial/#.UozEosSkoTR. Acesso em: 21 set., 2013.

BOWEN, Howard R. Responsabilidades sociais do homem de negócios. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1957.

CÂNDIDO et al. Método Delphi - uma ferramenta para uso em Microempresas de Base Tecnológica. Revista FAE, Curitiba, v.10, n.2, p.157-164, jul./dez., 2007.

DE CARLI, Paulo César; DELAMARO, Maurício C.; SALOMON, Valério A.P. Identificação e priorização dos fatores críticos de sucesso na implantação de fábrica digital. Produção, v. 20, n. 4, out./dez., p. 549-564, 2010.

ESPERON et al. Funciones y tareas asistenciales de enfermeria en los cuidados intensivos. Rev. Cub. Med. Int. Emerg. 3(4), p. 24-46, 2004.

ETHOS. Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social. Incentivando a gestão empresarial socialmente responsável. Meio Ambiente. 2013. Disponível em: http:/conteudo/gestao-socialmente-responsavel/meio-ambiente/#.UozCIcSkoTR>. Acesso em: 17 out., 2013.

______. Indicadores Ethos de responsabilidade social. São Paulo: Instituto Ethos, 2008.

______. Responsabilidade social das empresas: a contribuição das universidades. São Paulo: Peirópolis, v.II, 2003a.

FRIEDMAN, Milton. Capitalismo e liberdade. São Paulo: Abril Cultural, 1984.

SKULMOSKI, G. J.; HARTMAN, F. T.; KRAHN, J. The Delphi Method for Graduate Research. Journal of Information Technology Education, v. 6, p. 1-22, 2007.

GIOVINAZZO, Renata A. Modelo de aplicação da metodologia Delphi pela internet: vantagens e ressalvas. Administração On Line. v.2, n. 2, abr./jun., FECAP, 2001.

GIROTO, Ana Paula S. et al. Indicadores sociais: um imperativo no cotidiano dos assistentes sociais atuantes no processo de gestão. Serviço Social em Revista. v.10, n.2, jan./jun., p.1-27, Uel, 2008.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE. Indicadores de Desenvolvimento Sustentável: Brasil, 2012.

LINARD, Zoraia Úrsula S. de A. Impactos socioambientais causados pelas atividades da indústria de cerâmica vermelha do município de Crato-Ce. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente. Universidade Federal do Ceará. Fortaleza, 2011.

MELO NETO, Francisco Paulo de; FROES, César. Gestão da responsabilidade social corporativa: o caso brasileiro. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2001.

MENDONÇA, R. R. S. As dimensões da responsabilidade social: uma proposta de instrumento de avaliação. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Gestão). Universidade Federal Fluminense. Rio de Janeiro, 2002.

MUELLER, Adriana. A utilização dos indicadores de Responsabilidade Social Corporativa e sua relação com os stakeholders. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção). Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis (SC), 2003.

ODELL, Henry R. What does social responsibility of business mean? Academy of Managemen. Boston, Mississippi, Academy of Management, p. 597-601,1974.

OLIVEIRA, Joelma de S.P.; COSTA, Maíra M.; WILLE, Marina F.de C. Introdução ao Método Delphi. Curitiba: Mundo Material, 2008.

ORGANIZAÇÃO DE COOPERAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO – OCDE. Rumo a um desenvolvimento sustentável: indicadores ambientais. Tradução Ana Maria Teles, Salvador (Centro de Recursos Ambientais). Série Cadernos de referência ambiental; v.9, 2002. 244 p.

ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO–OIT. Trabalho e família: rumo a novas formas de conciliação com responsabilidade social. Brasília: OIT, 2009.

______. Trabalho decente e juventude. América Latina. Resumo Executivo. Brasília: OIT, 2007.

PAULINO, Jorge. Método Delphi. Uma ferramenta de apoio ao planejamento das empresas. 2010. Disponível em: <http://engenharianodiaadia.blogspot.com.br/2010/08/metodo-delphi-uma-ferramenta-de-apoio.html>. Acesso em: 25 jul., 2014.

RAMOS, Lauro. O desempenho recente do mercado de trabalho brasileiro: tendências, fatos estilizados e padrões especiais. Texto para discussão, n. 1255. Brasília: IPEA, 2007.

RICO, E. de M. A responsabilidade social empresarial do Estado. Uma aliança para o desenvolvimento sustentável. São Paulo em Perspectiva, 18(4), p.73-82, 2004.

SÁFADI, C.M.Q. Delphi: um estudo sobre sua aceitação. In: V SEMEAD. 2001, São Paulo. Anais...São Paulo-SP: SEMEAD/FEA-USP, 2001.

SOUZA et al. Análise do impacto ambiental originado da queima de argila com resíduos industriais. In: 17º CBECIMat - Congresso Brasileiro de Engenharia e Ciência dos Materiais. 2006, Foz do Iguaçu, Anais do..., Foz do Iguaçu/PR, Brasil, 2006.

SUPERINTENDÊNCIA DE ESTUDOS ECONÔMICOS E SOCIAIS DA BAHIA – SEI. Indicadores de sustentabilidade ambiental. Salvador/BA: SEI, 2006.

QUINTAS, J. S.; OLIVEIRA, M. J. G. A formação do Educador para atuar no processo de Gestão Ambiental. Brasília, IBAMA, 1995.

TACHIZAWA, Takeshy. Gestão ambiental e responsabilidade social corporativa: estratégias de negócios focadas na realidade brasileira. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2006. 427 p.

UNITED NATIONS INDUSTRIAL DEVELOPMENT ORGANIZATION – UNIDO. In: Proceedings of the conference on ecologically sustainable industrial development. Copenhague, Dinamarca, 14-18, out., 1991

VELOSO, H. M.; BOSQUETTI, M. A.; LIMONGI-FRANÇA, A. C. A concepção gerencial dos programas e qualidade de vida no trabalho (QVT) no setor elétrico brasileiro. In: VII Seminário em Administração FEA-USP. 2005. São Paulo. Anais... São Paulo, 2005.

Publicado
2020-05-12
Como Citar
Bezerra Alves, C. L., Khan, A. S., Pinheiro Sales Lima, P. V., Feitosa Pinheiro, V., & da Silva Rodrigues, A. (2020). A RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL NO SETOR DE CERÂMICA VERMELHA: UTILIZAÇÃO DO MÉTODO DELPHI PARA PROPOSIÇÃO DE UMA MATRIZ DE INDICADORES DE AVALIAÇÃO. Ciência E Sustentabilidade, 5(2), 39-67. https://doi.org/10.33809/2447-4606.52201939-67