SOCIO-ENVIRONMENTAL ANALYSIS OF THE LAKE OF BASTIANA, IGUATU-CE

Socio and environmental analysis of The Bastiana Lake, Iguatu-CE

  • Anatarino Torres Costa COMPANHIA DE GESTÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS DO CEARÁ (COGERH)
  • Mônica Virna de Aguiar Pinheiro Universidade Regional do Cariri (URCA)
  • Marcelo Martins de Moura-Fé Universidade Regional do Cariri (URCA)
  • Lucilene Gomes Lima Universidade Regional do Cariri (URCA)

Resumo

A sede municipal de Iguatu, localizada na região Centro-sul cearense, vem passando nas últimas duas décadas por um crescimento acelerado e, sobremaneira, desordenado de sua zona urbana, devido aos processos relacionados à especulação imobiliária, bem como à correlata e crescente poluição hídrica de corpos d’água naturais presentes na sua área urbana. Por ter uma morfologia plana e arenosa devido à formação predominantemente sedimentar da bacia de Iguatu, associada presença do leito do rio Jaguaribe e suas águas; a cidade é um autêntico “berço” natural para o surgimento de lagoas, ao passo que várias pontilhavam a paisagem urbana da cidade outrora, mas que ao longo dos anos foram desaparecendo ou tendo seus tamanhos restringidos para dar espaço a construções diversas. Nesse contexto, o presente trabalho apresenta uma análise socioambiental sobre a lagoa da Bastiana, principal lagoa da cidade na área urbana. Metodologicamente, a pesquisa se deu em etapas inter-relacionadas de gabinete (levantamentos de dados documentais, bibliográficos, cartográficos e iconográficos), campo (levantamento e verificação de dados) e laboratório (tratamento e elaboração de materiais). Como resultados, verificou-se que esta lagoa atualmente passa por um processo acentuado de assoreamento, diminuição do seu espelho d’água, atualmente tomado por plantas aquáticas. A limpeza e dragagem trazem a possibilidade de reestabelecer algumas características ambientais deste corpo hídrico, como tem acontecido com outras lagoas, inclusive no estado do Ceará. Espera-se que o trabalho contribua para a discussão local e regional sobre o uso adequado de recursos hídricos, notadamente em ambientes urbanos, e que sua conservação esteja atrelada à gestão urbana e ambiental dentro de diretrizes sustentáveis.

Publicado
2022-12-31
Como Citar
Costa, A. T., Mônica Virna de Aguiar Pinheiro, Marcelo Martins de Moura-Fé, & Lucilene Gomes Lima. (2022). SOCIO-ENVIRONMENTAL ANALYSIS OF THE LAKE OF BASTIANA, IGUATU-CE: Socio and environmental analysis of The Bastiana Lake, Iguatu-CE. Ciência E Sustentabilidade, 6(1). https://doi.org/10.56837/ces.v6i1.487